Crimes Econômicos e sua Regulamentação Pelo Sistema Financeiro Nacional Código: 738378

  • Isalino Antônio Giacomet Júnior
LUMEN JURIS
FracoRegularBomÓtimoExcelente Sem avaliação
à vista no boleto bancário

Este produto será entregue por um de nossos parceiros

Produto Sob Encomenda: Este produto não está disponível para entrega imediata e será encomendado junto à editora. Previsão de postagem em até 7 dias úteis + tempo de transporte (conforme frete escolhido), após a confirmação do pagamento.
Avalie o produto:
Excelente

Características do Produto

Autor(es)
  • Isalino Antônio Giacomet Júnior
ISBN9788584406074
Numero de Páginas200
Numero de Edição1
Ano de Edição2016
EditoraLUMEN JURIS
Ano de Publicação2016
EncadernaçãoBrochura
OrigemNacional

Sinopse

O combate e?ciente aos delitos econômicos representa uma necessidade fundamental para o desenvolvimento justo e equilibrado da sociedade nos dias atuais. O sucesso do combate a tais delitos depende diretamente da adoção de técnicas legislativas difer enciadas dos tipos penais. Para tanto, torna-se fundamental que os conhecimentos técnicos e os poderes normativos inerentes aos órgãos normativos e supervisores do Sistema Financeiro Nacional – exarados no âmbito de suas respectivas atribuições admin istrativas regulatórias – sejam transpostos também para a seara do direito penal econômico. Dentre os instrumentos de normatização penal que permitem essa in?uência administrativa, situam-se a tipi?cação de normas penais em branco, a utilização de el ementos normativos do tipo e as condições objetivas de punibilidade. Em que pese tais técnicas legislativas ensejarem, em regra, a criação de tipos penais abertos, destaca-se que esses mecanismos de normatização penal não ofendem o princípio da legal idade. Esses assuntos são analisados e aprofundados na presente obra. Procurou-se organizar os trabalhos, abordando inicialmente a estrutura e as funções regulatórias do Sistema Financeiro Nacional, com ênfase na sua função normativa complementar rel ativamente aos delitos econômicos. Com isso, mediante a análise exempli?cativa de textos de alguns crimes em vigor, defende-se o modelo de legalidade adequado ao combate da criminalidade econômica com participação normativa dos órgãos do Sistema Fina nceiro Nacional, com a aplicação de técnicas legislativas diferenciadas, sem violação ao princípio da legalidade. Acreditamos que o viés multidisciplinar dos assuntos discorridos nesta obra possa colaborar com o conhecimento de estudantes, acadêmicos e pro?ssionais do direito e que também atuam na área regulatória do mercado ?nanceiro. Por essa razão, com muita motivação e alegria, convidamos a todos para realizar a leitura deste livro.
Minha Conta