Memórias-testemunho de Educadores: Contribuições da Educação Popular À Educação de Jovens e Adultos Código: 722848

  • Maria Clarisse Vieira
CRV
FracoRegularBomÓtimoExcelente Sem avaliação
à vista no boleto bancário

Este produto será entregue por um de nossos parceiros

Produto Sob Encomenda: Este produto não está disponível para entrega imediata e será encomendado junto à editora. Previsão de postagem em até 40 dias úteis + tempo de transporte (conforme frete escolhido), após a confirmação do pagamento.
Avalie o produto:
Excelente

Características do Produto

Autor(es)
  • Maria Clarisse Vieira
ISBN9788544407622
Numero de Páginas254
Numero de Edição1
Ano de Edição2016
EditoraCRV
Ano de Publicação2016
EncadernaçãoBrochura
OrigemNacional

Sinopse

A história-memória de cinco educadores e educadoras, narrada e analisada neste trabalho de Clarisse mostra que houve e há outras histórias-memórias mais traumáticas, com outros personagens. Outras experiências. Até com Outro paradigma epistemológico- pedagógico. Outras formas de ver, pensar, alocar nas relações sociais, políticas e educacionais os jovens-adultos trabalhadores que lutaram e lutam por direitos à terra, trabalho, educação. Pelo direito de serem reconhecidos sujeitos de direitos não de favores. Nem da EJA como favor. Este trabalho se aproxima dessa Outra história-memória, desses Outros educadores/as e educandos/as e nos revela que há Outra história-memória marginalizada pelo pensamento oficial. Que é urgente ver, captar esse alg o a mais persistente na história-memória da EJA: sua estreita articulação com o movimento de cultura-educação-emancipação popular e com os próprios trabalhadores sujeitos de sua emancipação-resistência à opressão. O trabalho nos mostra que a históri a-memória é Outra quando narrada por Outros educadores/as sintonizados com os processos tensos de emancipação popular. Há tantas histórias-memórias quantos olhares sobre os trabalhadores/as, jovens-adultos que teimam em voltar. Há tantas histórias-me mórias da EJA quantos olhares, identidades afirmativas da diversidade desses trabalhadores em lutas por direitos. (Miguel Arroyo)
Minha Conta