Entre Púlpitos e Porões: Metodistas e Presbiterianos no Período da Ditadura Militar Código: 744970

  • Daniel Augusto Schmidt
REFLEXAO EDITORA
FracoRegularBomÓtimoExcelente Sem avaliação
à vista no boleto bancário

Este produto será entregue por um de nossos parceiros

Avalie o produto:
Excelente

Características do Produto

Autor(es)
  • Daniel Augusto Schmidt
ISBN9788580882025
Numero de Páginas354
Numero de Edição1
Ano de Edição2016
EditoraREFLEXAO EDITORA
Ano de Publicação2016
EncadernaçãoBrochura
OrigemNacional

Sinopse

Este livro Entre Púlpitos e Porões analisa um período de crise vivido pelo protestantismo brasileiro (simbolizado aqui pela Igreja Presbiteriana do Brasil) durante a época da Ditadura Civil e Militar, focando o olhar mais especificamente no intervalo entre os anos de 1964 e 1974. Influenciados pelos ambientes político e ideológico da época, estas duas denominações protestantes foram o palco de uma disputa entre suas alas conservadoras e progressistas. Como resultado, estabeleceu-se um clima int erno de “caça às bruxas”, marcado por atitudes autoritárias e de apoio ao regime imposto. Seguindo uma proposta advinda de trabalhos anteriores, a pesquisa procura levantar os fundamentos embasaram as atividades das alas conservadoras dos protestanti smo neste conflito, um aspecto pouco considerado pela historiografia sobre o tema. A principal suspeita é a de que as posturas conservadoras decorreram do contato do protestantismo importado do mundo anglo saxão com a herança cultural tipicamente br asileira acabou moldando a mentalidade dos setores conservadores do protestantismo nacional,entre o final do século XIX e meados do XX. Ela acabou aflorando quando novos agentes surgiram no cenário religioso durante o período do Golpe Civil e Militar .
Minha Conta