Gestão por Inteligência - Coleção Compendium Código: 1071993

  • Cristiano Trindade de Angelis
CHIADO EDITORA
FracoRegularBomÓtimoExcelente Sem avaliação
à vista no boleto bancário

Este produto será entregue por um de nossos parceiros

Produto Sob Encomenda: Este produto não está disponível para entrega imediata e será encomendado junto à editora. Previsão de postagem em até 45 dias úteis + tempo de transporte (conforme frete escolhido), após a confirmação do pagamento.
Avalie o produto:
Excelente

Características do Produto

Autor(es)
  • Cristiano Trindade de Angelis
ISBN9789895170982
Numero de Páginas250
Numero de Edição1
Ano de Edição2016
EditoraCHIADO EDITORA
Ano de Publicação2016
EncadernaçãoBrochura
OrigemNacional

Sinopse

"A Gestão por Inteligências, definida como a capacidade de compreender, desenvolver e gerenciar as inteligências racional, cultural, emocional e espiritual de uma forma integrada, tem o potencial de mudar os modelos mentais dos agentes públicos. Além da necessidade de conectar as informações e lidar com modelos complexos (inteligência racional), o agente público precisa ser paciente e motivado (inteligência emocional), precisa aprender com outras culturas (inteligência cultural), e precisa anali sar os problemas sob diferentes perspectivas e desenvolver uma visão grande de mundo (inteligência espiritual). O principal objetivo da gestão por inteligências é a busca de sentido, tanto nas informações obtidas como na vida profissional e pessoal. No nível individual essa integração busca autonomia, domínio e propósito, que são os fatores que realmente motivam as pessoas. No campo da organização, esta integração proporciona o alinhamento entre as competências individuais com objetivos da organ ização. Este livro propõe uma reforma do Estado que integre as vantagens dos três modelos de gestão na administração pública (modelo burocrático, Nova Gestão Pública - NGP e Novo Serviço Público - NSP). A humanização no setor público e a governança c ompartilhada levam a supremacia do interesse público e a efetividade das Políticas Públicas (características chave do NSP), em vez do foco extremo na eficiência (modelo NGP) ou no cumprimento de normas e leis (modelo burocrático). A crise de confianç a e a crise econômica estão mostrando a importância da inclusão da Sociedade no relacionamento entre o Estado e o mercado, a fim de melhorar a inteligência governamental."
Minha Conta