Margens da Democracia: A Literatura e a Questão da Diferença Código: 726611

  • Marcos Siscar
EDUSP
FracoRegularBomÓtimoExcelente Sem avaliação
à vista no boleto bancário

Este produto será entregue por um de nossos parceiros

Produto Sob Encomenda: Este produto não está disponível para entrega imediata e será encomendado junto à editora. Previsão de postagem em até 12 dias úteis + tempo de transporte (conforme frete escolhido), após a confirmação do pagamento.
Avalie o produto:
Excelente

Características do Produto

Autor(es)
  • Marcos Siscar
ISBN9788531415845
Numero de Páginas384
Numero de Edição1
Ano de Edição2016
EditoraEDUSP
Ano de Publicação2016
EncadernaçãoBrochura
OrigemNacional

Sinopse

O livro aborda as relações entre democracia e literatura, as quais suscitam uma série de conflitos: entre a arte e a lei entre mercado de arte, democracia e economia neoliberal nos discursos pela emergência de coletividades marginais no papel que as artes têm nos regimes democráticos recentes na convivência entre literatura, ensino e a demanda por inclusão social. No âmbito de uma reflexão sobre literatura, evocar as margens da democracia é um modo de destacar os dispositivos que sustentam e ssas noções e, portanto, de problematizar o uso que delas é feito no discurso crítico, retirando-as de sua mera instrumentalização. Pesquisadores de diferentes universidades discutem a necessidade dessa reflexão por meio da análise de obras de Robert o Bolaño, Abdelkebir Khatibi, Jacques Derrida, Paulo Henriques Britto, Arthur Rimbaud, Nuno Ramos, Mallarmé, Jean-Marie Gleize, Paulo Lins, entre outros.
Minha Conta